Manaus

Manaus. Facebooktwittergoogle_plus

Capital do estado do Amazonas, Manaus

Foi fundada em 1669 na confluência do Rio Negro e o Rio Solimões. Ocupa uma área de pouco mais de 11 mil km² e têm população de aproximadamente de 1.900.000 habitante. Sexta cidade mais rica do Brasil, é considerada o portão de entrada para a Floresta Amazônica, a maior reserva ecológica do planeta. Manaus também se destaca pelo seu patrimônio arquitetônico cultural herdado principalmente no Ciclo da Borracha.

Umas das grandes atrações é o Teatro Amazonas, inaugurado em 1881, uma construção em estilo neoclássica, com a fachada pintada de rosa e uma cúpula feita com 36 mil escamas de cerâmica nas cores da bandeira brasileira. A sala de espetáculos, com capacidade para 701 pessoas, é decorada com lustres e máscaras venezianos O hall de entrada em mármore português, a escadaria em mármore italiano e ferro inglês.

O Palácio da Justiça, de estilo renascentista, construído em 1900, o prédio funcionou como sede do Judiciário amazonense até abril de 2006. Ainda com a mobília original da inauguração,o espaço funciona como um grande museu e abriga um Gabinete de Leitura, que possui um acervo de 1.038 volumes constituído em sua maior parte por obras de Direito que podem ser consultadas. Também funcionado como centro cultural, oferece além de visitas guiadas que ajudam a conhecer o espaço, variadas atividades culturais como exposições temporárias, mostra de filmes e apresentações musicais.

Palácio Rio Negro, construído em 1903, o prédio já foi sede do governo. Hoje transformado em espaço multicultural, agrega ao seu redor o Museu-Biblioteca da Imagem e do Som do Amazonas, o Museu de Numismática Bernardo Ramos, a Pinacoteca do Estado, o Cine-Teatro Guarany e o Espaço de Referência Cultural do Amazonas, todos funcionando de forma integrada.

Palacete Provincial, uma construção de 1874 que hoje funciona como um centro cultural, com pinacoteca e museus.

Mercado municipal, erguido em frente ao Rio negro, têm estilo “art noveau” e foi inaugurado em 1882. Tombado pelo IPHAN, possui um pavilhão central em alvenaria, ladeado por dois pavilhões com estrutura em ferro fundido e forjado, com pórtico de ferro rendilhado. É um dos mais movimentados centros de comercialização de produtos regionais da capital.

O Museu do Índio de Manaus, é o maior museu de história indígena do Brasil e reúne em seu acervo mais de três mil peças produzidas por tribos de diversas etnias da Amazônia. Como utensílios domésticos, armas, adornos e instrumentos musicais.

Para quem não tem tempo para desbravar a vizinha floresta amazônica, Manaus guarda boas amostras de selva. Como o Bosque da Ciência, um pedaço da floresta dentro da cidade. Com uma passarela de concreto suspensa, de onde se avista o bosque na altura da copa das árvores e tanques do peixe-boi e da ariranha. No espaço Casa da Ciência, são dadas informações sobre a floresta.

O Museu da Amazônia, mais parecido com um parque, possuí cinco trilhas e uma torre de observação de 40 m. Durante as caminhadas, sempre com o acompanhamento de monitores, aparecem árvores de grande porte, como um angelim pedra – árvore símbolo do museu – com idade estimada em 500 anos. Uma tenda abriga exemplares da flora, aquários e exposições.

E o zoológico do Centro de Instrução de Guerra na Selva (CIGS), em Manaus, são 36 mil metros quadrados, que abriga 285 animais de 56 espécies. A grande atração é o viveiro das onças, por uma passarela de concreto, o turista passa por cima dos felinos. Macacos, cobras, jacarés, porcos e aves raras da Amazônia, além de outros felinos ameaçados de extinção estão distribuídos pela grande área verde.

Outras atrações imperdíveis são o encontro da águas, um fenômeno natural provocado pela encontro das águas escuras do Rio Negro com as águas barrentas do Rio Solimões. Por cerca de 6 km eles correm lado a lado sem que suas águas se misturem. O passeio com o boto cor de rosa e a praia de Ponta Negra, uma praia fluvial a beira do Rio Negro onde há anfiteatro, jardins, mirantes, vagas de estacionamento e iluminação, o que garante o banho de rio à noite. A região também é uma das mais procuradas para a prática da pesca esportiva.

Com matérias-primas regionais, como palha de tucumã, fibra e palha de tucum, tela de juta e cipó titica, o artesanato indígena é o grande destaque do comércio de Manaus. Como boas opções estão o Mercado municipal e a Feira de Artesanato e Produtos da Amazônia que acontece nas proximidades do Teatro Amazonas, onde dezenas de barracas de artesãos e pequenos produtores rurais vendem de tudo: artesanato, comidas típicas, roupas, brinquedos, objetos de decoração.

A vida noturna de Manaus se concentra no calçadão da praia de ponta Negra, onde existem boas opções de bares e restaurantes e ao longo da Avenida do Turismo que abriga animadas casas de forró, reggae e bolero.

A culinária Manauense por si só já é uma atração. Os peixes típicos da região, como o tucunaré, o pirarucu e o tambaqui, são as estelas dos cardápios com forte influência indígena. Assados na brasa, fritos ou cozidos, eles estão sempre presentes à mesa, com ingredientes típicos, como a castanha, o jambu, o cupuaçu e o tucupi que aguça ainda mais o seu sabor. Outro prato famoso com influência indígena é o Tacaca, preparado com um caldo fino chamado tucupi, sobre o qual se coloca goma de mandioca, camarão e jambu. Sucos e sobremesas são preparados com as frutas regionais como açaí cupuaçu, graviola, buriti, araçá, camu-camu, taperebá e abacaba.

O centro e o bairro de Adrianópolis são os bairros com maior concentração de hotéis em Manaus. O centro é a área com os hotéis mais baratos e com acesso rápido aos principais pontos turísticos da cidade, Adrianópolis é uma região mais moderna, é o coração financeiro da cidade e próximo de shoppings, comércio e serviços e de um circuito gastronômico sofisticado.

A melhor maneira de chegar a Manaus é o Aeroporto Internacional Eduardo Gomes, a 14 km do centro de Manaus que recebe voos diários das principais capitais do país.

Confira alguns destinos com ofertas especiais!

CNPJ: 17219734/0001-69 | Rua Antonio Aleixo , 604 - Belo Horizonte - MG - CEP 30180-150
© 2016 Passagens Promo - Todos os direitos reservados Emitir Shop | By - 2XT Tecnologia - Passagens Promo 2016