Por que visitar Florença, Itália: melhores atrações da cidade!

Casa das artes e dos gênios, Florença, Itália, é considerada um dos mais belos destinos da Europa, onde o viajante é “transportado” direto para a Renascença.

Em meio às ruas de pedra do centro histórico muito preservado, é possível caminhar entre palácios, pontes, praças, museus e igrejas milenares, cujos domos saltam aos olhos na paisagem urbana.

Foi por ali que grandes nomes, como Dante Alighieri, Michelangelo e a família Medici cunharam seus nomes na história mundial, transformando as artes, a oratória e a ciência de maneira definitiva.

Neste artigo, vamos te contar tudo que você precisa saber sobre a capital da Toscana, incluindo como chegar, quando visitar e o que fazer em uma das cidades mais apaixonantes da Europa. Vamos lá!

Compre passagens aéreas com o menor preço neste link!

Florença, Itália: um dos destinos mais especiais da Toscana!

Cada esquina explorada na cidade de Florença, na Itália, parece um cenário de cartão-postal.

Basta uma curta caminhada para encontrar igrejinhas milenares, vinhedos, campos de girassóis a perder de vista e palácios históricos suntuosos, onde já viveu a nata da sociedade florentina.

Construída às margens do rio Arno, Florença é uma cidade com mais de 2.000 anos de história, sendo testemunha perene de toda a riqueza do Renascimento, retratado em suas construções milenares ainda preservadas.

Afinal, a cidade foi o endereço de alguns dos maiores gênios renascentistas e, ainda hoje, abriga nada menos que 40% de toda a arte já produzida na Itália.

Por essas e outras, é impossível visitar a capital da região da Toscana e não visitar galerias como a Accademia e a Uffizi, listadas entre as melhores do mundo, onde estão expostas obras de Michelangelo, Botticelli e outros gênios da arte.

Mas não se engane: as artes florentinas não estão resumidas às galerias de arte. 

Pelo contrário, estão por todos os lados, incluindo nos impressionantes palácios Vecchio, Pitti, Strozzi e Medici Riccardi, na Catedral de Santa Maria del Fiore (também conhecida como Duomo), na Basílica de Santa Croce e por aí vai.

Como você deve ter percebido, a lista de atrações de Florença é grande e, por isso, é indispensável fazer um bom planejamento da viagem para garantir passeios mais eficientes e proveitosos!

Onde fica Florença?

Onde fica Florença?
Fonte: Unsplash

O primeiro passo para planejar uma viagem para Florença é descobrir onde fica a cidade. 

Estamos falando da capital da Toscana, uma região cortada pelo rio Arno e localizada na região central da Itália.

A cidade fica a apenas 270 km da capital, Roma, e ainda mais perto de outros destinos italianos apaixonantes, como Bolonha (115 km) e Gênova (243 km).

Também é possível combinar uma visita à Florença com um roteiro pela Côte d’Azur, na França: cidades da Riviera, como Nice e Cannes, estão a menos de 500 km de distância.

Para chegar até a cidade, é só desembarcar no Aeroporto Amerigo Vespucci, que recebe voos dos principais destinos europeus e até voos com conexões a partir do Brasil.

Depois do desembarque, é só pegar um ônibus, táxi ou transfer para superar os 4 km até o centro da cidade.

Florença, Itália: mapa

A localização central da cidade é estratégica para quem deseja conhecer alguns dos mais apaixonantes destinos europeus, como San Marino, Mônaco, Riviera Francesa e a própria Toscana.

Para te ajudar a planejar seus deslocamentos, destacamos o mapa de Florença, Itália!

Quando fazer uma viagem para Florença?

Se você ainda não bateu o martelo sobre quando conhecer a cidade, vai gostar de saber que Florença, Itália, é um destino agradável em qualquer época do ano.

O verão acontece no meio do ano, de junho a agosto, e marca a alta temporada na cidade: as temperaturas de até 35ºC encorajam turistas do mundo inteiro a explorar as belezas locais a pé.

Só não se esqueça de que o calor também é acompanhado por muitos turistas, o que significa que os hotéis ficam lotados e você vai ter que exercitar a paciência para conhecer as atrações turísticas mais famosas.

O inverno, por sua vez, é bem rigoroso, com bastante chuva e termômetros em torno de 0ºC, então não deixe de levar agasalhos para garantir o seu conforto. 

Se você não quer ter que escolher entre o calor do verão e o frio intenso do inverno, a melhor alternativa é marcar sua viagem para a primavera ou o outono, quando as temperaturas ficam amenas e chove menos em Florença.

Florença: história

Florença: história
Fonte: Unsplash

A história de Florença começa por volta do ano 59 a.C., quando a cidade é fundada para abrigar uma colônia militar romana.

Aos poucos, a cidade cresceu em tamanho e importância, tornando-se até o final do século III uma das mais importantes cidades da Península Itálica graças a sua localização central, que favorecia transações comerciais com diversas regiões.

Durante o período medieval, Florença firmou-se como um próspero núcleo comercial, atraindo banqueiros, nobres, comerciantes e artistas em busca de bonança.

A família Médici assumiu o controle da cidade por volta do século XV e deu início a uma nova fase da história local, quando ocorreu o auge florentino econômico e cultural.

Foi nessa época que nomes da arte, como Leonardo da Vinci, Michelangelo e Botticelli, se instalaram na cidade para produzir seus trabalhos custeados pelo dinheiro dos patronos florentinos.

Desde então, o poder econômico da cidade acabou regredindo, especialmente após a morte do último Médici, no século XVIII, e o auge econômico ficou definitivamente para trás.

Um dos pontos mais baixos da história local aconteceu durante a Segunda Guerra Mundial, quando alemães destruíram parcialmente Florença, danificando ou até mesmo destruindo totalmente obras de arte e construções históricas.

O que restou foi devidamente restaurado e até reconstruído por esforços do pós-guerra: até hoje, Florença é considerada a cidade mais avançada do mundo a respeito de técnicas de restauração!

Como é a cidade de Florença?

Florença é cortada pelo rio Arno e rodeada por montanhas, o que já rendeu muitos problemas para a população local ao longo da história.

O autor Dante Allighieri chegou a chamar o rio de “fosso maldito” pelo histórico de enchentes que assolaram a cidade.

Nos séculos passados, a água do rio Arno subiu tanto após chuvas seguidas pelo degelo da neve do inverno que Florença acabou debaixo d’água!

De qualquer forma, você não precisa se preocupar com esse risco durante a sua viagem: desde 1966 não ocorre uma enchente de grandes proporções por lá.

Além disso, não se esqueça de colocar um calçado confortável na mala antes de programar a sua visita: Florença é uma cidade formada por morros e colinas, sem muitos trechos urbanos planos, quase como a histórica Ouro Preto.

    Está gostando do conteúdo?
    Receba as melhores dicas de viagens no seu e-mail!
    Fique tranquilo, não enviamos spam!
    E-mail cadastrado com sucesso!
    A partir de agora, você receberá as melhores
    dicas de viagem diretamente no seu e-mail!

    Passagens aéreas em promoção para Florença, Itália!

    Já imaginou visitar uma cidade milenar, cujos ilustres moradores ajudaram a moldar a cultura ocidental?

    Para conhecer a cidade de Florença, você só precisa garantir as suas passagens aéreas para a Itália em nosso site de buscas, o Passagens Promo!

    A interface moderna e segura do Passagens Promo possibilita que você faça uma pesquisa online em poucos segundos.

    É só digitar as cidades de origem e destino, incluir as datas da viagem e escolher os voos para a Itália com os melhores preços para o seu bolso.

    Você pode até potencializar sua procura com o nosso alerta de preços para não perder nenhuma promoção para o destino que você procura!

    O que fazer em Florença

    Preparado para conhecer uma cidade movida a arte, história e cultura? A italiana Florença, ou Firenze, é o destino perfeito para a sua próxima viagem!

    Uma única caminhada pelo centro histórico é capaz de te levar a lugares incríveis, como igrejas, monumentos, palácios, mercados e muito mais.

    Confira os principais lugares para visitar em Florença, Itália!

    Palazzo Pitti & Jardins de Boboli 

    Palazzo Pitti & Jardins de Boboli
    Fonte: Unsplash

    Por mais de três séculos, o Palazzo Pitti foi a residência oficial da família Médici, a mais poderosa de toda a Europa por boa parte da Idade Moderna.

    O complexo arquitetônico, do século XIV, segue muito bem preservado e revela a rica história florentina, incluindo os espetaculares Jardins de Boboli, projetados em 1549.

    O passeio é simplesmente imperdível e dura cerca de 4 horas, ou seja, reserve ao menos uma manhã ou tarde inteira para conhecer a história da cidade!

    Duomo de Florença 

    Se fosse preciso escolher apenas um lugar para visitar no centro histórico de Florença, Itália, esse lugar deveria ser a Catedral di Santa Maria del Fiore, também conhecida como Duomo de Florença.

    Obra-prima da arquitetura gótica, a construção é a mais importante da Toscana e símbolo de Florença, tendo levado mais de um século para ser concluída.

    Grandes nomes da arquitetura e arte da Itália participaram do projeto, como Di Cambio, Brunelleschi, Rossellino e Talenti, e você pode conhecer tudo de graça, pois a entrada é gratuita!

    Caso você queira estender seu passeio até o Campanário de Giotto, o terraço da catedral e o Batistério de São João, é necessário adquirir ingressos a 20 euros (preço em novembro/2021).

    Galleria degli Uffizi 

    A Galleria degli Uffizi, Florença, Itália, ostenta um título bastante audacioso: estamos falando de um dos museus mais importantes do mundo!

    Milhões de turistas visitam o complexo todos os anos em busca de seu riquíssimo acervo, que inclui algumas das peças mais famosas da história, como O Nascimento de Vênus e A Primavera, de Botticelli, Medusa, de Caravaggio e muitas outras.

    Nos salões e galerias estão expostos trabalhos de nomes como Leonardo da Vinci, Ticiano, Piero della Francesca, Rafael, Michelangelo e outros gigantes do mundo da arte, desde o Renascimento até a atualidade!

    O próprio edifício no qual o museu está instalado é uma obra de arte por si só: a construção foi erguida a mando do Gran Duque Cosimo I de Medici no século XVI!

    Os ingressos para a Galleria degli Uffizi custam 20 euros, mas quem está disposto a pagar 45 euros pode escapar das filas e curtir uma visita guiada (preços em novembro/2021).

    Galleria Dell’Accademia 

    Galleria Dell’Accademia
    Fonte: Sailko / Wikimedia Commons / CC BY-SA 3.0

    A Galleria Dell’Accademia não é tão grande quanto a vizinha famosa Galleria degli Uffizi, mas certamente não decepciona em relação a seu acervo.

    É nesta galeria que está a obra mais conhecida de Michelangelo, a escultura Davi, além de outras pinturas e esculturas sacras.

    Os ingressos para a Galleria Dell’Accademia saem a 18,50 euros, enquanto a modalidade fura-filas sai a 35 euros.

    Basílica di Santa Croce 

    Uma das mais disputadas atrações em Florença, Itália, é a monumental Basílica di Santa Croce, considerada uma das mais importantes basílicas do mundo pela Igreja Católica.

    A belíssima construção se destaca na paisagem do centro histórico com seus arcos, mas é o que está dentro da igreja que mais impressiona.

    Afinal, ficam na Basílica di Santa Croce os restos mortais de grandes gênios do Renascimento italiano, incluindo Michelangelo, Galileu, Maquiavel e Rossini. Para conhecer tudo, basta pagar ingresso de 8 euros.

    Ponte Vecchio 

    A Ponte Vecchio, Florença, Itália, é uma das poucas construções medievais da cidade que passou ilesa pelos intensos bombardeios nazistas durante a Segunda Guerra Mundial.

    A estrutura, datada de 1345, é hoje um dos principais cartões-postais da cidade, onde casais apaixonados se reúnem no fim do dia para contemplar o inesquecível pôr do sol sobre o rio Arno.

    A ponte é também o endereço de lojas, joalherias e restaurantes requintados, cujo cardápio inclui vista privilegiada do centro histórico.

    Piazzale Michelangelo 

    A Piazzale Michelangelo é um dos endereços que não podem ficar de fora do seu roteiro pela cidade, pois é considerada um dos principais pontos turísticos de Florença, Itália.

    O maior motivo para tanta fama é a inigualável vista panorâmica de Florença oferecida pela praça, que fica no alto de uma das muitas colinas florentinas.

    A região abriga, ainda, uma réplica do Davi de Michelangelo e alguns dos melhores restaurantes da cidade.

    O que fazer na noite de Florença?

    O que fazer na noite de Florença?
    Fonte: Pexels

    As atrações da cidade de Florença não ficam restritas ao período diurno: a noite é bastante animada, com opções para todos os gostos!

    Que tal, por exemplo, aproveitar a noite para experimentar a extraordinária gastronomia da Toscana? Existem dezenas de restaurantes incríveis espalhados pelo centro histórico da cidade.

    Depois do jantar, vale a pena seguir até a Piazza Michelangelo para contemplar uma vista panorâmica da noite florentina.

    Prefere uma boa e velha noite na balada? Florença abriga boas boates e pubs que oferecem uma programação animada, como o Red Garter, o Hard Rock Cafe Florence, o May Day Club e o La Terrazza Lounge Bar.

    No verão, as praças da cidade se transformam em grandes centros culturais, onde acontece a exibição de filmes, concertos, apresentações artísticas e outros eventos animados no período noturno.

    Alguns museus e galerias até mesmo estendem seus horários de visitação durante a estação mais quente do ano.

    Passagens Promo tem as melhores ofertas para você economizar na sua viagem! Encontre sua passagem aérea com até 35% de desconto, além de pesquisar hotéis e seguro viagem em um só lugar! Clique aqui e confira.

    Seguro viagem para Itália

    Quem deseja conhecer o melhor de Florença não pode se esquecer de contratar um bom seguro viagem.

    O item é obrigatório para quem visita a Itália, um dos países que aderiram ao Tratado de Schengen, que facilita a circulação de turistas pela Europa.

    Em contrapartida, o tratado lista algumas exigências para o viajante, incluindo seguro viagem com cobertura mínima de 30 mil euros para despesas médico-hospitalares.

    Você pode garantir seu seguro viagem Europa mais barato no buscador Seguros Promo, referência nacional em proteção ao viajante.

    Faça uma cotação gratuita e aproveite para utilizar a ferramenta de comparação detalhada para encontrar o melhor seguro viagem para o seu passeio!

    Melhores hotéis em Florença, Itália

    Melhores hotéis em Florença, Itália
    Fonte: Elquarto / Hotel Plus Florence

    A maior oferta de hotéis em Florença, Itália, está no centro histórico da cidade

    A vantagem em se hospedar na região é a proximidade com os principais pontos turísticos, o que pode economizar tempo e dinheiro em deslocamentos.

    Os viajantes podem escolher entre hotéis-boutique, pousadas familiares e até hotéis tradicionais, de grandes redes.

    No site de buscas do ElQuarto, você pode fazer todo o seu planejamento em um só lugar, comparando preços, reservando quartos e até pagando as diárias online, em reais, e sem incidência de IOF.

    Faça uma simulação e descubra que conhecer a milenar Florença pode sair mais barato do que você pensa.

    Quantos dias são necessários para ver Florença?

    A cidade de Florença é um prato cheio para quem gosta de passeios turísticos, pois abriga dezenas de atrações históricas, culturais e gastronômicas. 

    Por isso, é natural que o turista queira saber quanto tempo vai precisar para conhecer tudo durante uma viagem pela Itália.

    Eis aí um dos maiores trunfos florentinos: os principais pontos turísticos de Florença, Itália, estão concentrados no centro histórico e separados por curtas distâncias.

    Ou seja, você poderá conhecer as principais atrações a pé, em apenas dois ou três dias.

    Também é possível conhecer as belezas locais em viagens mais curtas: neste caso, vale a pena priorizar palácios, monumentos e templos históricos na região mais antiga da cidade.

    Economize em sua viagem para Florença, Itália!

    Você não precisa sair de casa para encontrar passagens aéreas baratas para conhecer Florença, Itália: é só fazer sua cotação em nosso site de buscas, Passagens Promo.

    O primeiro passo é digitar as cidades de origem e destino. Depois, incluir as datas de ida e volta. Em seguida, é só escolher a oferta que cabe no seu bolso!

    Não se esqueça de cadastrar o seu e-mail no alerta de preços para não perder nenhuma promoção para a capital da Toscana ou qualquer outro destino! 

    Quer conhecer as belezas da Itália pagando pouco? De Promo você pode!


    Continue sua leitura!

    Recomendado para você
    Cidades da Itália: conheça as mais famosas, turísticas e interessantes

    Cidades da Itália: conheça as mais famosas, turísticas e interessantes

    Ilha de Malta, Itália: informações, intercâmbio e pontos turísticos

    Ilha de Malta, Itália: informações, intercâmbio e pontos turísticos

    Roma, Itália: dicas e informações para aproveitar a capital italiana

    Roma, Itália: dicas e informações para aproveitar a capital italiana

    Voos para Itália: informações e dicas de destinos para conhecer no país

    Voos para Itália: informações e dicas de destinos para conhecer no país

    Viagem Itália: quando ir, documentação e dicas de roteiro

    Viagem Itália: quando ir, documentação e dicas de roteiro

    Itália com crianças: quando viajar, documentos e passeios especiais

    Itália com crianças: quando viajar, documentos e passeios especiais