Fortes Brasileiros: conheça esses pontos turísticos históricos

Conhecer os fortes brasileiros é uma boa maneira de aprender um pouco mais sobre a história do país e episódios incríveis que aconteceram durante o período colonial.

Espalhados de Norte a Sul do país, muitos desses fortes resistiram à ação do tempo e seguem de pé até hoje, tornando-se uma boa opção para suas férias no Brasil!

Neste artigo vamos destacar tudo o que você precisa saber sobre esses importantes atrativos turísticos históricos que relembram momentos importantes da história brasileira. Veja só!

Procurando passagens aéreas na promoção? Clique aqui!

Fortes Brasileiros: Onde estão e para que servem

Muitos turistas brasileiros que visitam a Europa ficam encantados com os castelos, fortalezas e cidades muradas espalhados por diversos pontos do Velho Continente.

O que nem todo mundo sabe é que você não precisa atravessar o oceano para encontrar essas construções com séculos de história: o Brasil tem seus próprios fortes históricos, alguns com mais de 400 anos.

A lista é extensa e tem opções em diversos estados brasileiros, como Bahia, Pernambuco, Rio Grande do Norte, Rio de Janeiro, São Paulo e Santa Catarina. Ou seja, provavelmente tem algum forte perto de você esperando por sua visita.

O que é um Forte Militar?

O que é um forte militar?
Fonte: Pxhere

Os fortes militares brasileiros são construções fortificadas erguidas em pontos estratégicos do litoral do país para proteger o território nacional de eventuais invasões estrangeiras.

Algumas dessas edificações estão ativas até a atualidade, cumprindo a função de orientar embarcações em nossa costa, e todos os fortes estão abertos a visitação.

Qual era a função dos fortes militares?

Os fortes brasileiros foram construídos para serem uma das linhas de defesa do país em caso de guerra ou invasão estrangeira, com estrutura militar completa.

Isso quer dizer que, além de servir para abrigar tropas, esses fortes continham recursos militares como sistema de artilharia, arsenal, entre outras ferramentas defensivas.

Quantos fortes existem no Brasil?

Quantos Fortes Brasileiros?
Fonte: Wirestock, via Freepik

O Brasil já chegou a ter mais de 350 fortes durante o período colonial, instalados em cidades costeiras como Rio de Janeiro, Santos, Recife, Salvador e Belém.

Com o passar do tempo, o número de construções foi diminuindo: de acordo com o Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional, o Iphan, hoje existem apenas 66 fortes brasileiros.

Vantagens Promo tem as melhores ofertas para você economizar na sua viagem! Encontre cupons e descontos para seguro viagem, hotel, aluguel de carro, e muito mais! Clique aqui e confira.

Qual o maior forte do Brasil?

O maior de todos os fortes militares brasileiros foi também o maior forte da América Latina: a Fortaleza de São José de Macapá, na capital do Amapá, foi inaugurada em 1782 para proteger as riquezas da Amazônia.

A construção é gigantesca, com capacidade para acomodar mais de 1,2 mil militares em uma área de mais de 30 mil m² que inclui paiol de pólvora, arsenal, alojamentos, celas para prisioneiros e outras instalações.

O maior forte do Brasil demorou mais de 18 anos para ser construído e foi considerado “modelo militar”, mas nunca foi utilizado em conflitos armados.

    Está gostando do conteúdo?
    Receba as melhores dicas de viagens no seu e-mail!

    Fique tranquilo, não enviamos spam!

    E-mail cadastrado com sucesso!
    A partir de agora, você receberá as melhores
    dicas de viagem diretamente no seu e-mail!

    Onde os fortes eram construídos?

    Os fortes brasileiros foram erguidos em localizações estratégicas, a fim de possibilitar a vigilância do litoral ou das fronteiras pelas Forças Armadas.

    Ou seja, as construções precisavam ser instaladas em lugares que facilitam a observação dos navios ou de eventuais tropas que poderiam alcançar o território nacional.

    Várias dessas construções ficavam espalhadas pela costa brasileira, como os fortes de São Marcelo, em Salvador (BA), mas algumas foram erguidas no interior do país, como o Real Forte do Príncipe da Beira, em Rondônia.

    Algumas regiões, supostamente mais visadas para invasões estrangeiras por seus recursos naturais, importância política ou produção agrícola, tinham um número maior de fortes, como Pernambuco, Bahia, Rio de Janeiro e a Amazônia.

    Conheça o Brasil com conforto: viaje de avião!

    Conhecer os fortes brasileiros é uma tarefa que demanda planejamento: afinal, essas incríveis construções históricas estão espalhadas por todo o país!

    Para explorar as fortificações brasileiras mais famosas com economia, a única saída é pesquisar bastante na hora de comprar suas passagens aéreas. Nessa tarefa você pode contar com a ajuda do Passagens Promo.

    Veja as melhores passagens para poder visitar os Fortes do Brasil!
    Passagens aéreas saindo de
    Azul CAW Campos SDU Rio de Janeiro 09 Jul 08 Dez R$ 204 Azul CAW Campos SDU Rio de Janeiro 19 Nov 22 Nov R$ 204 Gol VIX Vitória SDU Rio de Janeiro 01 Out 03 Out R$ 217 Gol VIX Vitória SDU Rio de Janeiro 20 Ago 24 Ago R$ 217 Gol CNF Belo Horizonte GIG Rio de Janeiro 13 Ago 15 Ago R$ 242 Ver mais ofertas

    Nossa plataforma de busca ajuda o viajante a comparar preços para encontrar as melhores ofertas para viajar rumo aos melhores destinos nacionais e internacionais.

    Descubra descontos imperdíveis com nosso alerta de preços e siga as redes sociais do Passagens Promo para ficar por dentro das melhores novidades do setor!

    10 fortes brasileiros que valem a visita

    Quer visitar as fortalezas mais incríveis do Brasil, localizadas em cidades com grande potencial turístico? Então confira nossa lista com os 10 melhores fortes brasileiros!

    Forte de Copacabana – Rio de Janeiro

    Provavelmente um dos mais famosos fortes brasileiros, o Forte de Copacabana, no Rio de Janeiro, foi construído no século XIX para proteger a cidade e seu importante porto.

    Desde então, a construção já foi cenário de diversos episódios históricos de grande importância e serviu até de prisão para o presidente Washington Luís após ser deposto pela Revolução de 1930.

    O forte é até hoje um dos principais pontos turísticos do Rio de Janeiro, com vista privilegiada para a famosa praia de Copacabana, na Zona Sul da cidade.

    Na construção funcionam hoje o Café do Forte e o Museu Histórico, que recebe eventos culturais gratuitos. Se você preferir, é possível “apenas” percorrer a muralha de pedra com 12 metros de largura que cerca o forte.

    Em um dos extremos da fortificação o visitante pode conferir de pertinho os canhões de origem alemã que protegiam a construção ou simplesmente assistir ao pôr do sol sobre a orla da praia de Copacabana.

    Fortaleza de Santa Cruz da Barra – Niterói

    Santa Cruz da Barra
    Fonte: Pxhere

    O próximo forte da nossa lista, a Fortaleza de Santa Cruz da Barra, também está instalado no Rio de Janeiro, mais especificamente na cidade de Niterói.

    Antes da construção do Forte de Copacabana, a fortaleza de Niterói configurou a principal estrutura de defesa da Baía de Guanabara e, consequentemente, do movimentado Porto do Rio de Janeiro.

    Atualmente, mais de 2.000 pessoas visitam a edificação todos os meses, sejam visitantes interessados no patrimônio histórico bem preservado ou turistas que querem contemplar a vista panorâmica sobre o Pão de Açúcar e a Cidade Maravilhosa.

    Forte São Mateus – Cabo Frio

    O Rio de Janeiro tem mais um representante em nossa lista de fortes brasileiros, o Forte São Mateus, da cidade de Cabo Frio, também conhecido como monumento histórico mais antigo da região dos Lagos.

    Construído em 1620, o forte reúne vários mirantes com vista para cenários incríveis, como a Praia do Forte e a paradisíaca Ilha do Japonês.

    Na fortificação os visitantes ainda encontram os canhões originais que serviam para proteger as terras portuguesas do interesse espanhol, francês e holandês, além da Casa dos Guardas, alojamento convertido em centro cultural.

    Forte das Cinco Pontas – Recife

    Um dos fortes mais antigos do Brasil é o Forte das Cinco Pontas, construído por volta do ano 1630 em Recife (PE), onde o rio Capibaribe encontra o mar.

    Diferentemente dos demais fortes listados neste artigo, o Forte das Cinco Pontas não foi construído pelos portugueses, e sim pelos holandeses durante o período de ocupação.

    A edificação teve grande importância na história nacional, uma vez que foi cenário da revolta luso-brasileira que acabou expulsando os invasores holandeses da cidade, em 1654, além de ter sido utilizada como presídio e batalhão.

    Apesar do nome, a fortaleza tem hoje apenas quatro pontas, resultado de uma restauração durante o século XVII feita pelos portugueses.

    O intuito da reforma era transformar o antigo forte holandês e apagar as lembranças da presença estrangeira em solo português: a construção perdeu o formato de estrela e foi coberta com pedra e cal.

    Nos dias atuais, o Forte das Cinco Pontas está aberto à visitação e sedia o Museu da Cidade do Recife, cujo acervo reúne mapas antigos, fotos e documentos históricos.

    Forte Orange – Recife

    Forte Orange
    Jayme Moreira Crespo Filho, via wikimedia commons

    Mais um dos fortes brasileiros construídos por holandeses, o Forte Orange fica na Ilha de Itamaracá, a 50 km de Recife (PE). 

    Assim como o Forte das Cinco Pontas, a fortaleza de Orange também passou por uma grande restauração para “limpar” os traços holandeses após a reconquista portuguesa e chegou a ganhar um novo nome, Forte de Santa Cruz.

    Apesar de a construção ter sido feita em meados de 1630, os estudiosos continuam descobrindo novos segredos da fortaleza até a atualidade.

    Em 2003 foi descoberta uma porta de entrada que estava escondida por mais de mil toneladas de areia, entre a antiga muralha e a contramuralha.

    Tombado como Patrimônio da Humanidade pela Unesco desde a década de 1930, o Forte Orange está aberto a visitação de terça a domingo, das 10h às 18h.

    Forte dos Reis Magos – Natal

    Marco inicial da capital do Rio Grande do Norte, o Forte dos Reis Magos nasceu antes mesmo de Natal, em 6 de janeiro de 1598. A cidade, por sua vez, só foi fundada em 25 de dezembro do ano seguinte.

    A arquitetura da construção é singular, com o formato de uma estrela. Boa parte da estrutura original segue preservada, como a bateria de canhões no ponto superior da fortaleza, além de um poço artesiano e alojamentos.

    O forte foi erguido no ponto em que o rio Potengi encontra o mar: os visitantes podem conhecer as torres de observação da fortaleza, de onde é possível contemplar uma vista panorâmica do litoral.

    A edificação abriga, ainda, o Museu do Forte, cujo acervo relembra a invasão holandesa e a luta para a reconquista do território pelos portugueses.

    Forte de Santo Antônio da Barra – Salvador

    Considerado um dos principais pontos turísticos de Salvador (BA), o Forte de Santo Antônio da Barra foi o primeiro forte construído pelos portugueses no Nordeste, em 1536, com a finalidade de proteger a Baía de Todos os Santos.

    Nos anos seguintes a construção ganhou novas estruturas e acabou ampliado, chegando ao formato atual no final do século XVII, quando os portugueses reconstruíram a fortaleza com pedra e cal.

    Ficam no forte o primeiro farol do Brasil, o famoso Farol da Barra, que orienta as embarcações que circulam pela região, e o Museu Náutico da Bahia, que conta a história da navegação no estado.

    Vale a pena visitar o Forte de Santo Antônio da Barra no fim da tarde, quando o pôr do sol colore a região de tons avermelhados, atraindo turistas e moradores locais.

    Forte São Marcelo – Salvador

    Forte de São Marcelo
    Fonte: Pxhere

    Também conhecido como Forte do Mar, o Forte de São Marcelo foi inaugurado em 1623 com um formato singular: é o único entre os fortes brasileiros que tem formato circular, com 135 metros de circunferência.

    A construção foi inspirada no Forte de São Lourenço do Bugio, na foz do rio Tejo, em Portugal, que tem formato similar.

    Além disso, o Forte de São Marcelo fica “no mar”, sobre um banco de arrecifes, como uma espécie de ilha artificial.

    Tombado como Patrimônio Histórico pelo Iphan, a fortaleza foi recentemente restaurada e ganhou novas instalações, como galerias, salas de exposições e até simuladores digitais de embarcações e canhões.

    Forte São João de Bertioga – Bertioga

    Construído em 1532, o Forte São João de Bertioga, no litoral paulista, é o mais antigo do Brasil e um dos mais bem preservados do país, com paredes originais e um rico acervo, incluindo armas e habitações indígenas.

    O forte recebe visitas diárias e tem a seu redor uma ampla área verde, o Parque dos Tupiniquins, ideal para passeios em família.

    Forte São José da Ponta Grossa – Florianópolis

    O último integrante da nossa lista de fortes do litoral brasileiro é o Forte São José da Ponta Grossa, localizado na famosa praia de Jurerê Internacional, em Florianópolis (SC).

    A partir das torres de observação da fortaleza é possível contemplar as praias de Jurerê e Daniela, bem como parte da porção ocidental da capital catarinense.

    Nos limites das antigas muralhas os visitantes encontram a Casa do Comandante, um paiol de pólvora e uma pequena capela erguida em homenagem a São José.

    Veja aqui como reservar passagens aéreas!

    Agora que você já sabe tudo sobre os fortes brasileiros, está na hora de planejar a sua viagem para conhecer parte importante do patrimônio histórico do nosso país.

    Visite o nosso site de buscas, Passagens Promo, para encontrar as passagens aéreas mais baratas para conhecer os melhores destinos do Brasil e do mundo.

    Confira passagens para Salvador e veja de perto os Fortes Brasileiros!
    Passagens aéreas saindo de
    Gol GIG Rio de Janeiro SSA Salvador 19 Ago 31 Ago R$ 366 Latam Brasil SDU Rio de Janeiro SSA Salvador 02 Ago 07 Ago R$ 376 Latam Brasil SDU Rio de Janeiro SSA Salvador 08 Jul 14 Jul R$ 376 Latam Brasil SDU Rio de Janeiro SSA Salvador 29 Jul 15 Ago R$ 376 Gol REC Recife SSA Salvador 01 Jul 05 Jul R$ 381 Ver mais ofertas

    Não se esqueça de acionar o alerta para ser notificado sempre que o trecho desejado sofrer alteração de valor! Lembre-se de seguir nossas redes sociais para não perder nenhuma promoção ou novidade!


    Leia também: